No blog http://tinformando-meus-blogues.blogspot.com.br/ encontrará o meu espaço web

sexta-feira, 13 de maio de 2016

Pronunciamento do Presidente Michel Temer. Completo! Posse de Michel Tem...







Publicado em 13 de mai de 2016
Mais informações e cadastro na BBOM Mais, acesse: http://folhadigital.net/

Nossa Página de Contato: http://www.duplickmais.com/me/escolac...

Curta a nossa Página no Facebook e receba todas as novidades sobre a volta da BBOM.
Clique aqui: https://www.facebook.com/CellLobo

Pronunciamento do Presidente Michel Temer. Completo! Posse de Michel Temer. 12/05/2016

michel temer presidente,presidente michel temer,Pronunciamento do Presidente,presidente do brasil,posse michel temer,posse presidencial,presidente dilma,impeachment dilma,Processo de impeachment,política,eleições presidenciais,posse pmdb,partido pmdb,ministros do presidente michel temer,discurso de Michel Temer,discurso do presidente

O presidente em exercício Michel Temer afirmou nesta quinta-feira (12), em seu primeiro pronunciamento como substituto de Dilma Rousseff no comando do Palácio do Planalto, que irá manter os programas sociais da gestão petista, como Bolsa Família, Pronatec e Minha Casa, Minha Vida.
Temer também afirmou que, além de melhorar o ambiente de negócios no país para o setor privado, para produzir e gerar emprego, é necessário restaurar as contas públicas. “De imediato, precisamos também restaurar o equilíbrio das contas públicas, trazendo a evolução do envidividamento do setor público de volta ao patamar de sustentabilidade. Quanto mais cedo formos capazes de reequelibrar as contas públcaas, mais rápido consehuiremos retomar o crescimento”, declarou.
Temer assumiu interinamente a Presidência na manhã desta quinta, após o Senado aprovar, por 55 votos a favor e 22 contra, a instauração de seu processo de impeachment. Logo depois de a petista ser intimada sobre o afastamento, o vice-presidente foi notificado da decisão dos senadores.
"Reafirmo, e faço em letras garrafais, vamos manter os programas sociais. O Bolsa Família, o Pronatec, o Fies, o Prouni, o Minha Casa, Minha Vida, entre outros, são projetos que deram certo e terão sua gestão aprimorada. Aliás, mais do que nunca, precisamos acabar com um hábito no Brasil em que, assumindo outrem o governo, você destrói o que foi feito. Ao contrário, você tem que prestigiar aquilo que deu certo, complementá-los, aprimorá-los", declarou Temer.
Em seu discurso, Temer afirmou que muitas, das “bases do futuro” para o país, há proposta já em tramitação no Congresso Nacional, e que “reformas fundamentais” serão fruto de desdobramento “ao longo do tempo”. “Uma delas é a revisão do pacto federativo. Estados e municípios precisam ganhar autonomia verdadeira, sob a égide de uma federação real, e não uma federação artificial como vemos atualmente”, disse.
Segundo Temer, matérias consideradas “controvertidas”, como as reformas trabalhista e previdenciária, serão levadas adiante com o objetivo de “pagamento das aposentadorias e geração de emprego”, com garantia de “sustentabilidade. Ele destacou que quer uma base parlamentar sólida, que permita conversar
O presidente em exercício também disse em seu discurso que, atualmente, há urgência em "pacificar a nação" e "unificar o Brasil".
Posse dos ministros
Em solenidade na tarde desta quinta no Palácio do Planalto, Temer deu posse a 22 ministros de seu primeiro escalão. Entre os novos integrantes do primeiro escalão estão Henrique Meirelles (Fazenda), Romero Jucá (Planejamento), Eliseu Padilha (Casa Civil), Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) e José Serra (Relações Exteriores).
Segundo a assessoria de Temer, após concluir o ato de posse dos novos ministros do governo, o presidente em exercício fará um pronunciamento à imprensa, mas não responderá a perguntas de jornalistas. No início da noite, o peemedebista irá à cerimônia de posse do novo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes.
Ao longo de toda a manhã, Temer permaneceu no Palácio do Jaburu, residência oficial da Vice-presidência, acompanhado de aliados e conselheiros políticos. A mulher de Temer, Marcela, e o filho deles, Michel, desembarcaram na tarde desta quarta (11) em Brasília, enquanto o Senado ainda discutia o pedido de impeachment de Dilma.
Enquanto Temer recebia aliados no Jaburu, pela manhã, a presidente afastada Dilma Rousseff também fez um pronunciamento no Planalto, logo após ter sido intimada pelo senador Vicentinho Alves (PR-TO) sobre a decisão do Congresso Nacional. Dilma voltou a dizer que o impeachment é "golpe" e que o afastamento dela é "a maior das brutalidades". Em seguida, Dilma fez um discurso no pé da rampa do Planalto, a um grupo de integrantes de movimentos sociais que decidiram apoiá-la. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a acompanhou.

Discurso presidencial Michel Temer !





Publicado em 12 de mai de 2016
Discurso presidencial Michel Temer !
Pronunciamento Michel Temer !

This is Brazil's new leader: Michel Temer - BBC News

Momento histórico Michel Temer assina termo da posse-O MINISTÉRIO TEMER E O DISCURSO BURRO E SEXISTA

Michel Temer Engasga Durante Discurso de Posse

Michel Temer Assina Impeachment e Assume a Presidência
Impeachment e Dilma afastada! Michel Temer assume e é o novo Presidente do Brasil
Michel Temer faz primeiro pronunciamento como presidente - 12/05/2016

Curso Planejamento e Gestão Financeira da Empresa Rural - Gestão de Recu...







Publicado em 19 de jul de 2012
Este filme é um trecho do Curso Planejamento e Gestão Financeira da Empresa Rural

Adquira o curso completo pelo telefone (31)3899-7000 ou pelo site: http://www.cpt.com.br/cursos-administ...

Este curso apresenta as informações que o administrador rural necessita para executar com eficiência as tarefas que envolvem a administração rural, apresentando exemplos de situações quotidianas, de cálculos e de planilhas.
  • Categoria

  • Licença

    • Licença padrão do YouTube

Curso Administração da Pequena Empresa Rural - Gestão - Cursos CPT







Publicado em 26 de jun de 2012
Este filme é um trecho do Curso Administração da Pequena Empresa Rural

Adquira o curso completo pelo telefone (31)3899-7000 ou pelo site: http://www.cpt.com.br/cursos-administ...

A gestão das pequenas propriedades rurais guarda semelhanças com pequenos empreendimentos urbanos, ou seja, o empresário tem funções múltiplas, é sempre o primeiro a chegar e o último a sair do trabalho. No entanto, no agronegócio, as condições climáticas têm grande influência na rentabilidade, assim como os conhecimentos tecnológicos, administrativos e de mercado do gestor. Isso tem condenado boa parte dos pequenos empreendimentos rurais ao fracasso. Assim, o sítio é vendido ou se torna local de lazer do proprietário ou se estabelece a situação de subsistência, isto é, produz o mínimo para garantir as despesas.

Neste curso, você verá que é possível mudar este paradigma, a partir de conceitos gerenciais, tecnológicos e comerciais, de modo que um pequeno sítio se torne capaz de propiciar retorno financeiro compatível com o investimento e o trabalho do proprietário. Usaremos, para isso, um estudo de caso: o sítio Jatobá, de Edson Carlos Schwambach, em Paula Cândido - MG.

Tendo como base a cafeicultura e as atividades a ela associadas, o proprietário tira, além do sustento de sua família, os recursos necessários para investir e manter seu negócio em expansão e prover reservas de recursos para o futuro. Para isso, são estudados os principais preceitos do Sítio Jatobá, com base em conceitos tecnológicos e de gestão reconhecidos.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Yaron Answers: What Is Crony Capitalism?





Publicado em 12 de abr de 2012
Elaine asks Yaron Brook, "What is crony capitalism?" www.laissezfaireblog.com
  • Categoria

  • Licença

    • Licença padrão do YouTube

How Cronyism is Hurting the Economy







Publicado em 10 de jul de 2012
Find LearnLiberty on Facebook: http://on.fb.me/X9qijG

Beyond Bailouts: What Is Cronyism?: http://mercatus.org/publication/beyon...

It is clear big businesses wield great control over the federal government. How do we stop this so-called crony capitalism, or collusion? Professor Jason Brennan argues that while it may seem paradoxical the best solution is to limit government power. He provides two reasons for this. First, the power to "regulate the economy" is really the same thing as the power to distribute favors, which corporations will inevitably seek. Second, regulations actually benefit big businesses at the expensive of small businesses. Less government power means corporations have less power to compete for, fewer privileges to seek, fewer subsidies to enjoy, and no agencies to capture.

Find LearnLiberty on...
Twitter: http://bit.ly/RBl3Wv
Facebook: http://on.fb.me/X9qijG
Our Website: http://bit.ly/RBl3FH
  • Categoria

  • Licença

    • Licença padrão do YouTube

terça-feira, 4 de agosto de 2015

Programa Impulsiona - Senai no Paraná | Canal da Indústria Paranaense


lá!
Gostaria de comunicar que o prazo para as inscrições para o Programa Impulsiona foi estendido até dia 14 de agosto.
Conto com a sua atenção para divulgar este trabalho de inovação do Senai PR que é de abrangência nacional.
Obrigada e uma ótima semana!
Juliana
Oportunidade estendida para empresários inovadores fazerem negócios com grandes indústrias brasileiras
O Senai PR irá estender até o dia 14 de agosto o prazo para inscrições no Programa Impulsiona.A plataforma de inovação aberta é uma oportunidade para pequenas empresas realizarem novos negócios com grandes indústrias de todo o país.
São desafios nas áreas de tecnologia da informação, estruturas de concreto, instalação de sistema solar e o uso de resinas naturais como adesivos. Tem como critérios de avaliação: relevância mercadológica, grau de inovação, viabilidade técnica e econômica.
Participam dessa edição a Belgo Bekaert, o Grupo Enel, o Label Group AM e a Renault que buscam projetos inovadores visando melhoria de processos, produtividade e competitividade em suas indústrias.
O Programa Impulsiona é uma realização do Senai PR em parceria com o MCTI - Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação e apoio do Sistema FIRJAN, IEL-MG e Senai-AM.

Conheça os desafios:
Belgo Bekaert: Como podemos utilizar a solução combinada de concreto protendido e fibra de aço para a criação e/ou melhoria de performance de estruturas pré-fabricadas?

Grupo Enel: Como podemos melhorar os nossos métodos de instalação de sistemas solares no Brasil, otimizando o tempo de instalação em 50% e reduzindo aproximadamente em 15% o custo praticado no mercado de varejo, de forma que não comprometa as construções nas quais o serviço está sendo realizado e levando em consideração que temos uma grande diversidade de telhados?

Label Group AM: Como podemos substituir os adesivos à base de petróleo, através de um processo sustentável, utilizando resinas naturais encontradas na flora regional da Amazônia?

Renault: Como podemos otimizar por meio de um sistema Hardware + Software, a detecção de portas switchs inativas e que realize a troca para outra em funcionamento de maneira automática, sem comprometer o processo de produção?

Senai PR
Há mais de 70 anos, o Senai PR (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) atua no Paraná acompanhando as necessidades de educação, tecnologia e inovação da indústria. Situado no Campus da Indústria, o Centro Internacional de Inovação articula produtos e serviços buscando o aumento da competividade de maneira estratégica, criativa, incentiva o empreendedorismo, a inovação em negócios, a gestão do conhecimento e de capital, o design, a tecnologia e a sustentabilidade.

Serviço:
Programa Impulsiona Senai PR
Centro Internacional de Inovação Senai PR
Inscrições: até 14 de agosto de 2015








Publicado em 22 de jul de 2015
Você também é movido por desafios?
Então conheça e participe do Impulsiona 2015 http://scup.it/9dco, a grande oportunidade da sua empresa alcançar novos patamares no universo dos grandes negócios em inovação.

terça-feira, 12 de maio de 2015

Empreendedorismo Sem Fronteiras - Um Excelente Caminho para Pessoas com Deficiência


Já conhece o livro “Empreendedorismo Sem Fronteiras - Um Excelente Caminho para Pessoas com Deficiência”?
Lançado recentemente , o livro foi escrito em coautoria pelo Secretário Adjunto de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo, Cid Torquato, e Fernando Dolabela, consultor, professor e autor de vários outros títulos voltados ao empreendedorismo.
O livro fala sobre as possibilidades no horizonte da inclusão: despertar o empreendedor e transformar o sonho e...
Ver mais

segunda-feira, 4 de maio de 2015

FIEP - Carta aos Empresários

De: Rommel Barion - Vice Presidente da FIEP [mailto:tvteste@tvteste.com.br]
Enviada em: terça-feira, 28 de abril de 2015 09:07
Para:
Assunto: Carta aos Empresários - Rommel Barion

Problema com a visualização da mensagem? Clique aqui.

Feliz dia dos pais
Estimado (a) Empresário (a),

Você sabe por que o mar é tão grande, tão imenso e tão poderoso? Porque teve a humildade de se colocar alguns centímetros abaixo de todos os rios do mundo. Sabendo receber, tornou-se grande. Se quisesse ser o primeiro, alguns centímetros acima de todos os rios, não seria mar, mas uma ilha.

Na disputa política, o discurso deve ser de humildade e compartilhamento de ideias. Surgem comportamentos saudáveis e outros perversos, reptilianos e reprováveis.

Nas últimas eleições da FIEP, a chapa eleita, intitulada FIEP Independente, estabeleceu alguns compromissos com a intenção de manter a instituição à margem das práticas que tanto condenamos no mundo político e do poder.

Compromissos como a modernização dos estatutos, fim da reeleição, gestão democrática, princípio da racionalidade e da meritocracia. Enfim, princípios sólidos e compromissados com a sociedade.

Lamentavelmente, o Presidente Edson Campagnolo, eleito com a atual diretoria, defendeu esses valores tão importantes para toda a sociedade, mas rompeu unilateralmente com esses compromissos e procrastinou a modernização dos estatutos. Campagnolo manteve a sua reeleição aparentemente legal, do ponto de vista jurídico, mas, evidentemente, condenável pelo olhar moral e ético.

Não se trata agora de “poder” ser reeleito e, sim, de cumprir com a proposta de gestão, buscar um posicionamento coerente e ético, honrar a palavra e estabelecer participação e transparência no processo democrático.

Após a última reunião de diretoria, há pouco mais de uma semana, vi-me obrigado a levar ao conhecimento de todos os empresários, presidentes de sindicatos e delegados representantes, o que vem ocorrendo na FIEP.

O presidente constrangeu os diretores, colocando o seu nome para avaliação em uma possível reeleição, alegando que tem que continuar os trabalhos que vem sendo feito e que não há mais espaço para ele na sua cidade de origem, Capanema. Ora, ele perdeu seu espaço empresarial e agora quer se agarrar ao cargo que ocupa?

Após indagação de alguns diretores, se ele retiraria o seu nome em favor de algum membro da atual diretoria, hesitou e se negou a responder, deixando claro a sua vontade e obstinação em ser reeleito.

Agiu exatamente como nos velhos tempos da FIEP, quando alguns presidentes mandavam seus assessores colherem assinaturas dos delegados sindicais em pedidos de reeleição, que aqueles mesmos redigiam.

Além disso, negou-se firmemente a fornecer documentos internos da entidade para membros de sua diretoria, entre eles a cópia do parecer 216/2011 que instituiu a verba de representação, o regulamento eleitoral, áudio de reuniões e relação de delegados representantes. Uma atitude antidemocrática, pouco participativa e nada transparente.

Sou favorável a manter os compromissos de renovação e à abertura de oportunidade para outros exercerem a função de presidente. A boa governança é pautada por princípios sólidos e não pelo exercício arbitrário do poder. A FIEP precisa seguir com uma agenda política e outra administrativa à altura de sua missão e, principalmente, pautada por uma agenda moral.

A quebra de princípios assumidos pela atual diretoria abala os valores de confiança, transparência, imparcialidade e verdade. Sei que a maioria dos membros da diretoria não concorda com esse comportamento e com a postura centralizadora do atual presidente.

Que exemplo estamos dando para a sociedade? Como podemos cobrar de nossos representantes políticos, se na nossa casa da indústria rompemos com a palavra e com os compromissos?

Não podemos agir na FIEP com a falta de princípios e de valores, o que tanto criticamos na política partidária. A representação empresarial na FIEP precisa ser exercida pela diretoria de uma forma compartilhada, democrática e participativa. Dessa forma, todos os setores da economia e as diversas regiões do Estado terão espaço e representatividade em nossa entidade.

A transparência e a credibilidade devem ser espontâneas e rotineiras. Jamais devemos permitir a autocracia e a centralização, com aparelhamento de grupos com interesses pessoais, como vêm ocorrendo na entidade.

Portanto, caro colega, conclamo que se una a nós contra essa prática. Não podemos deixar a FIEP se apequenar por atitudes egoístas e personalistas. O Sistema FIEP é uma instituição respeitada e de representação empresarial e a sua missão é muito maior do que o seu presidente, seja ele quem for. Nossos compromissos de campanha e de gestão devem ser mantidos. É uma questão moral.

Gostaria muito de convidá-lo, presidente de sindicato, delegado representante, empresário, para que reflita sobre o assunto e nos ajude para que a FIEP e sua diretoria não se torne uma ilha, mas sim um oceano poderoso de transparência que permeie todo o nosso ambiente empresarial.

A minha proposta para dar completude aos meus comentários é de modernizar imediatamente os estatutos da entidade, acabando com a reeleição, e de instituir um conselho deliberativo que não permita a personalização da gestão.

Vamos nos organizar em uma oposição para fazer frente ao presidente Edson Campagnolo para que ele recue na sua intenção de se perpetuar no poder e não manche o nosso nome e de toda a diretoria da FIEP.

Peço o seu apoio e sua ajuda nessa missão. Coloco-me a disposição através dos telefones e e-mail abaixo.
 
Forte abraço